Geleia e Natalia - siteocr

 ©R 2016/2019 Comunicação e Participações S.A
Busca
100 GB Free Backup
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Geleia e Natalia

Viajantes
Conhecendo a Lenda
Poaca: "Pó fino que acumula nas estradas de chão".
Geléia nos mostra algumas fotos e  fala um pouco desempenho de sua moto Kawasaky 300/2017 na BR 230

Muitos não entendem, julgam, dizem que só queremos nos mostrar.
Só que, a realidade é outra, cada um sabe a emoção de superar seu limite, sabe a emoção ao dizer: "Eu consegui"
Não importa o tamanho ou distância, é preciso ser um biker de verdade para compreender, respeitar.
Parabéns meus amigos bikers! nós compreedemos cada emoção, cada superação de vocês.
Parceiros: "Geléia e Natália obrigado!
                                                                                                  TAMUJUNTU!



A estrada transforma desconhecido em irmão de pais separados, e o principal, transforma pessoas arrogantes nas pessoas mais humildes, que jamais podiam imaginar em ser. Acampar, dormir na estrada, ter que aprender na prática a trocar corrente e  saber que as máquinas tem que receber cuidado, pois, nada é perfeito. A estrada te seduz e te oferece coisas maravilhosas, mas não se engane, na estrada também tem dificuldades. Rodar é AMOR É UMA PAIXAO É UMA SENSAÇÃO, SÓ SENTE, QUEM VIVE NESSE MUNDO!!!!
                                                                                                      Geléia&Natália
                                                                                MG. BICHO VÉIO - Soledade Rio Grande do Sul



Somos o casal geleia e natalia, estamoss na estrada desde de Agosto de 2015. Já fizemos os 26 estados e DF, rodamos 17mil km na XRE, 32mil km em uma moto cb 500x e 70mil km em uma vstron 650. Fizemos as fronteiras com Peru, Venzuela, Guiana Inglesa, Bolivia, Argentina, Uruguai, Paraguai.Chegou  hora de mostrar que as pequenas também tem sua vez serão mais de 30mil KM em uma Intruder 125. estão convidados a viajar conosco!!!
" Tudo na vida tem um preço algumas coisas valem mais e outras um pouco menos, mais cada coisa tem seu valor, o que define o valor das coisas e o seu desejo e vontade de tê-la. E o valor da minha liberdade custou para mim apenas abrir mão de ter uma casa fixa, que para alguns e um valor muito alto, mais que pra mim não custou nada mais e nada menos que meros "centavos". E que no fim de tudo me rendeu 2 anos e 6 meses com muitos amigos , em varias casas diferentes, com varias pessoas Maravilhosas, com muitas comidas diferentes, rendeu nesse tempo todo a realização de 4 ou mais projetos, e muita mais muita Experiência de vida e humildade de ajuda ao próximo, e de companheirismo!! Assim o projeto esta chegando ao fim  hoje no município de numero 170 ,faltando apenas 10 municípios para concluir. Agradecemos Deus por ter nos protegido e aos irmãos por ter nos acolhido. Agradecimentos de GELÉIA& NATÁLIA


MORANDO NA ESTRADA

Vejo nos grupos, os irmão sempre dizendo:” Viajar  é bom mais chegar em casa é ótimo”. Vejo  na tv, pessoas falando em fazer festa em casa com a família é muito bom. Ouço nas músicas as letras dizendo voltando para casa. Ouço também pessoas dizendo o tempo todo que o maior sonho é ter uma casa. E nós, cada dia em um lugar diferente, e a cada semana em um estado diferente. Já estamos morando na estrada há 2 anos e 5 meses, indo assim na contramão pois, enquanto muitos pensam em ter uma casa, nós abrimos mão de ter uma. Enquanto muitos cultuam o seu guarda roupa, nós, curtimos a estrada com as poucas peças de roupas que temos. Enquanto muitos pedem dinheiro e sucesso para 2018. Nós pedimos apenas um pouco mais de estradas e muitos KMS para rodar.!
Enfim, se alguém quiser saber como viver sem apego e com o mínimo necessário, talvez  tenhamos a resposta!!!
                                                 Dos Irmãos Estradeiros: GELÉIA & NATÁLIA


180 dias180 Cidades

Após viajar pelo Brasil 5 vezes em uma Vstron 650, tudo ficou monotono, por isso resolvemos partir para um grande desafio, o projeto 180.  Este projeto será feito sem nenhum apoio financeiro, somente com o apoio de amigos bikers, quando não tiver apoio, durmiremos em postos de combustíveis ou em beira de estrada.



Essa grande aventura se chama BR 319

09/08/2017
Vencendo meus Limites, 319, para muitos um sonho, para mim foi o quintal de casa, por muitos dias em menos de um mês atravessei ela por 4 vezes, em alguns momentos achei que ela me venceria, pois a exatos 1 ano ela tinha me derrotado. Saldo, fratura na face mandíbula e Nariz, disso tirei uma lição, não temos como competir nem brigar com ela, apenas deixe ela te guiar, assim sai dela sem nenhum terreno comprado. Quem quiser e só ir la no meu Face e ver as fotos ender @geleiapereira ou Wagner Sergio Pereira 319 onde o Desafio e a Aventura andam de mãos dadas
Noite umas das minhas aventuras que mas me cansei com a estrada quebra da moto fome sede em menos de 30 dias atravessei a 319 4 vezes acho que foi um Record
Rodei quase 2 mil kms em estrada de terra considerada a pior estrada do brasil




13/07/2017
Quando achei que tinha vivido tudo pow surge minha maior aventura foram 350 kms de estrada de terra 14 horas rodando eu exausto e a moto quase na consegue chegar quebrou o sissibar queimou a vela quebrou mata cachorro queimou lâmpada do farol entupiu a agulha do carburador essa grande aventura se chama BR 319



Itaituba até Humaitá pela Transamazônica


Saudações de Itaituba ate Humaitá pela Transamazônica foram 5 dias mais de Mil Kms de estrada de terra com muita Lama Poeira buracos picadas de insetos e muito frio pir estarmos inchados das chuvas Repentinas foram 10 pacotes de Miojo mas no fim valeu a Pena oela grande aventura e agora fica aquele desejo incontrolável de Voltar e fazer tudo de novo
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal